2.23.2010

Os velhos partem no Inverno, os novos todo o ano

A Lena linda viajou há dias, de forma para mim inesperada. A Lena dizia que eu era “demais”. Era bondade demais dela.
Celan dizia que a morte é uma flor que só nasce uma vez. Pois é.
Mas não devia nascer fora de tempo. No caso da Lena não devia. A Lena ainda era Verão. Um Verão laranja, laranja, quente, quente. Adeus, Lena.

3 comments:

CF said...

Um sorriso. Para ti e para a Lena.

Clara said...

o q??? tu n me assustes, rapaz.

_aifos_ said...

Só posso deixar um abraço grande, apertadinho!

pessoas com extremo bom gosto