4.04.2007

Ainda à espera do fim

.

Este rapaz parece viver dentro da minha alma.

5 comments:

Margarida Atheling said...

Não gosto nada de te ver assim!
E não sei o que dizer...!
Gosto muito de ti! Muito!

Bjs!

Catarina Campos said...

Miuda pá, tiras os comentos do post de baixo mas eu não quero nem saber. És mais sólida sim, não vás por aí, pelo caminho dessa outra Catarina que fugiu da vida e dos filhos. Põe-te fina, pariga, tudo se vai organizar, vais ver. Um grande beijo.

Zuza said...

Eu queria dizer ali em baixo que NÃO és a única a não querer, muitas vezes, ser chamada de maaaae (no meu caso é mesmo "oh manhe"!!!! :P). Olha digo aqui :P

E juro que admiro MUITO quem está sempre sozinha (o?) com os filhos. Porque eu só estou às vezes e sinto-me algumas delas no limite. E pergunto-me como seria se passados uns dias, uma semana, ele não chegasse...

sil said...

Ontem tive mesmo, mesmo para pôr este post no meu blog... Sentia-me, também, assim...

claudia said...

Não estás sozinha. Ainda que esse não seja o teu sentimento.
Há por aí, no mundo, alguém a viver o mesmo caos de sentimentos que tu!

...e que te acompanha, para sentir que também não é a única.

Bjs. ;)

pessoas com extremo bom gosto