8.05.2009

Hoje acabei o namoro com a minha Naomi



O PSD acabou de escolher uma pessoa acusada de um crime, de algum modo relacionado com a actividade política, para um lugar elegível na lista de deputados de Lisboa.
Porquê?
À cabeça, vem logo a justificação da presunção de inocência dos arguidos. “O tal senhor é inocente até ao trânsito em julgado da decisão. Logo, os seus direitos não podem ser coarctados. Logo pode ser candidato a deputado”.
Esta explicação encerra um ilogismo flagrante: o de que o senhor teria o direito inalienável de ser candidato a deputado, direito esse que não poderia ser contrariado por existir uma acusação judicial.
Mas o “direito a ser candidato” não existe juridicamente. Um candidato é o produto de uma escolha política, baseada no bom desempenho na legislatura anterior ou na capacidade de captar votos aos eleitores.
Só depois de se provar que se estava na presença de um parlamentar excelso, de um redactor inato de leis ainda por redigir, de um orador sublime e subliminar, de um especialista especial, de um aspirador de votos, é que se poderia passar à fase seguinte do raciocínio: “ele é tão bom, tão ronaldo, tão imprescindível que, mesmo acusado, fica na lista”.
Ora, lamento, a idade não perdoa, talvez, mas não me recordo de um, um sequer, feito parlamentar distintivo desse senhor na legislatura passada, que justifique, apesar de ser acusado de crimes relacionados com a actividade política, a sua presença numa lista de deputados, em lugar elegível.
Quanto ao senhor ser um íman para as limalhas votantes, vou ali e já volto.
Hoje é um dia tão triste que acabei a minha relação com a Naomi Watts.

7 comments:

Anonymous said...

completamente de acordo

Clara said...

Ah, agora entendo porque eu lhe pareço a Ana de la Reguera. Se a MFL é a Naomi Watts...

Clara said...

Pus a imagem em grande. mereço perdão?

Martim said...

Disclaimer: a metáfora à Naomi Watts não se deve a MFL e a qualquer distorção nas capacidades visuais. mas um estado de espírito muito positivo que esta prestes a terminar....

Martim said...

Clara, a imagem em grande em muito prejudica o seguimento do raciocínio do post...

Clara said...

a mim não...curioso...

Miguel said...

Concordo plenamente duas vezes...

Neste caso, é de uma falta de inteligência que chega a doer até aos partidos opositores...

Enfim...

pessoas com extremo bom gosto